quinta-feira, 5 de junho de 2014

Marketing Para o Cinema

              Dimas Macedo

 
              A monografia – Marketing Para o Cinema Nacional (Fortaleza, LCR, 2014) – foi apresentada no curso de Comunicação Social da Faculdade de Comunicação da Universidade de Brasília, como requisito parcial para obtenção do grau de Bacharel em Publicidade e Propaganda pelas bacharelandas Anna Luiza Corrêa e Isadora Cidrão Campos, tendo como orientadora a Professora Dione Oliveira Moura.

             Além da Dra. Dione Oliveira Moura, sua presidente, a banca examinadora da pesquisa foi integrada pelos professores: Edmundo Brandão Dantas, Sérgio Ribeiro de Aguiar Santos e Octávio Schwenck Amorelli (o primeiro e o segundo como titulares e o terceiro como suplente).

             As noções de Cinema Nacional, Marketing, Cadeia Produtiva, Indústria Cinematográfica, Publicidade e Comunicação estão na raiz da investigação levada a efeito pelas autoras.

              Um dos argumentos desenvolvidos nesse livro faz-se no sentido de que o filme, enquanto produto cultural e industrial, precisa ser assistido; e afirma que o público de cinema, no Brasil, necessita ser explorado, pois a sua demanda é considerada potencial.

              Entender esse mercado, na visão de Anna Luiza e Isadora, seria essencial para o desenvolvimento da indústria cinematográfica brasileira, ainda dependente do apoio estatal e ainda deficiente em relação à hegemonia estrangeira.

              Além de estudar a indústria cinematográfica no Brasil, a pesquisa aborda a questão do marketing que se aplica a essa forma de produção, explorando estratégias que envolvem a cadeia produtiva do cinema e buscando espaços para ampliar a sua inserção no mercado.

               A acolhida desse livro no âmbito do programa produção por demanda, da Editora LCR, de Fortaleza, é um sinal de que as autoras não se esforçaram em vão, e de que foi justa a recomendação da Banca para que a obra viesse a ser publicada, especialmente porque foi aprovada com distinção e louvor.

      Registro, ademais, que a lição que ficou da leitura desse livro é que a aplicação do marketing para o cinema brasileiro tem alto potencial, ainda que muito pouco explorado, e que o investimento oficial, nesse campo, permanece preso a um processo de estatização, em contraste com os valores do mercado.

       Por fim, faço minhas as palavras das autoras, no sentido de que “as principais falhas do mercado se evidenciam no fato de que existe demanda, existe um público potencial, que gostaria de ir ao cinema mas não vai por motivos variados; e existem filmes que não são vistos, ora por não conseguirem espaço para exibição, ora por não terem um planejamento – inclusive de divulgação – para tal!”

segunda-feira, 2 de junho de 2014

Poema de Samuel Sobreira

                         Samuel Sobreira

               
                     


                 Lavras da Mangabeira
                  
                       Lavras é um município
                       querido pelo povão
                       tem açude e rio
                       e muita alegria dentro do coração.

                       Bonito é Lavras
                       complicada é até mal entendida
                       mas é uma cidade
                       e ela só tem que ser vivida.

                       Gosto da minha cidade
                       Lavras da Mangabeira
                       com pessoas de idade
                       com vendas na feira.

                       Moro em Iborepi
                       Distrito pequenininho
                       Lá tem pássaros
                       a fazer muitos ninhos.